Sintra

Sintra

Sintra

Portugal

 

Sintra é um daqueles lugares cheios de magia e mistério onde a natureza e o homem se conjugaram numa simbiose tão perfeita, que a UNESCO o classificou como Patrimônio da Humanidade.

 

Se no alto da Serra, o séc. XIX viu nascer o Palácio da Pena, fruto do sonho de um rei artista, D. Fernando de Saxe-Coburgo Gotha, as fadas da montanha vão salpicar-se de palacetes como Monserrate, envolvido na exuberância do seu parque exótico e de quintas como a Regaleira, a transportar-nos para o mundo dos símbolos iniciáticos. Andando por Sintra pode descer ao neolítico na Tholos do Monge, desfrutar dos horizontes nas muralhas do castelo dos Mouros, sentir a austeridade do Convento dos Capuchos, sensibilizar-se nos recantos do Parque da Pena, sítio de amor e exotismo. No centro histórico da vila faça um apaixonante roteiro pelo passado humano, feito de ruas labirínticas, escadinhas e arcadas.

É lindo!
É lindo!

press to zoom
Imponente
Imponente

press to zoom
O Bondinho de Sintra
O Bondinho de Sintra

press to zoom
É lindo!
É lindo!

press to zoom
1/37

O Palácio da Pena é a mais fascinante construção da realeza de Portugal, sedutor conjunto de múltiplos gostos que lhe dão uma estranha beleza. Dentro das suas paredes vai sentir os ecos da notícia que D. Manuel I recebeu dos descobrimentos da Índia e do Brasil ou da voz de Luís de Camões recitando os "Lusíadas" para o rei D. Sebastião e ver a mais vasta e rica azulejaria mudéjar da Península Ibérica. O mais abençoado lugar de todo o globo habitável está à sua espera.

 

Mas o Palácio também traz histórias macabras, como a do rei Afonso VI que viveu durante nove anos preso em um dos cômodos enquanto seu irmão Dom Pedro lhe roubava o trono e a esposa, alegando que Afonso VI era louco. Hoje em dia paira a dúvida se Afonso VI era realmente louco ou se seu irmão é que era louco de esperto. Seja como for, as grades na janela continuam no mesmo lugar e podem ser vistas pelo turista.

 

Para se chegar ao Palácio da Pena em Sintra-Portugal é necessário pegar o transporte do Parque. O Transfer é muito barato e o passeio nesse pequeno ônibus/bonde é fantástico. O Palácio Nacional da Pena fica no alto da Serra de Sintra e o acesso é feito de carro até uma etapa e o restante do percurso em um ônibus da empresa privada que toma conta do local. Em estilo romântico português e de grande importância histórica, abriga hoje em dia concertos de música clássica e exposições.

 

Viajamos, eu e Flávia Ghelli, até Sintra para ver o Palácio da Pena, considerado patrimônio da Unesco e um dos mais belos e conservados castelos do mundo, O Palácio da Pena sem nenhuma dúvida é maravilhoso. "Você é transportado para um tempo que não existe mais...".

 

A pequena cidade de Sintra tem cerca de 25 mil habitantes e no seu auge era o local preferido de veraneio dos reis portugueses. O centro histórico é cheio de agradáveis restaurantes e vielas estreitas. As outras atrações da cidade ficam mais distantes do centro e para visitar tudo o ideal é alugar um carro já que Sintra é repleta de colinas e fazer todo o trajeto a pé além de tomar muito tempo é bastante cansativo. Outra opção bem mais charmosa é conhecer a cidade em deliciosos passeios de charrete ou a cavalo.

Construído no século VIII pelos mouros, durante sua ocupação, o Castelo dos Mouros está sobre dois cumes da Serra de Sintra. Conquistado definitivamente, depois de várias tentativas, por D. Afonso Henriques, em 1147, ali foi construída a primeira capela cristã do Conselho, dedicada a São Pedro. Para visitar o local é preciso fazer caminhadas que levam em média 40 minutos entre os bosques de Sintra. Roupas e sapatos confortáveis ajudam na caminhada. O Palácio e Quinta da Regaleira são formados por jardins, poços, torres, lagos, estátuas e grutas, considerados pelos portugueses componentes de um percurso alquímico e sagrado.

Dúvidas, críticas e sugestões

Questions, comments and suggestions

malaparadois@gmail.com